Em MS, 103 destinos turísticos pediram selo de lugar seguro O selo do Ministério do Turismo pretende ser referência para escolha da viagem e tem que ser exposto em lugar visível (Foto: Reprodução)
Vida e Estilo

Em MS, 103 destinos turísticos pediram selo de lugar seguro

Campo Grande News
07/07/2020
352

Em todo o Brasil, mais de oito mil prestadores de serviços turísticos já solicitaram o selo “Turismo Responsável - Limpo e Seguro”, uma espécie de certificado de boas práticas de higienização para cada segmento do setor no combate à pandemia de coronavírus. Nessa lista estão 103 destinos de Mato Grosso do Sul que pediram o carimbo do Ministério do Turismo.

Lançado na segunda quinzena de junho, como primeira etapa do Plano de Retomada do Turismo Brasileiro, do Ministério do Turismo, o selo pretende ser uma referência aos turistas na hora de escolher seus destinos de viagem e se sintam seguros ao se hospedar e frequentar locais que cumpram protocolos específicos para a prevenção da Covid-19.

As agências de viagem (3.110) lideram os segmentos com maior número de solicitações do selo. Na sequência aparecem os meios de hospedagem (2.239) e transportadoras turísticas (970).  São Paulo (2.011), Rio de Janeiro (1.312), Minas Gerais (753), Bahia (536) e Santa Catarina (422) são os estados que registraram a maior adesão à iniciativa até o momento.

“O sucesso do selo comprova que estamos no caminho certo para o início das atividades do nosso setor, que foi tão afetado por esta pandemia. Fomos um dos dez países em todo o mundo que tiveram essa preocupação em apresentar esse selo que atenderá aos anseios do setor e dos turistas, que estarão mais atentos aos protocolos de biossegurança”, comentou o ministro do Turismo, Marcelo Álvaro Antônio.

Além de agências de viagens, hotéis e empresas transportadoras de turismo, o selo de garantia de higienização está disponível também para outros segmentos, como empresas de organização de eventos, parques temáticos, acampamentos turísticos, restaurantes, cafeterias, bares e similares, parques temáticos aquáticos, locadoras de veículos para turistas e guias de turismo.

Com liberação gratuita, o selo deve ser colado em local de fácil acesso ao cliente e contendo um QR Code pelo qual o turista poderá consultar as medidas adotadas por aquele empreendimento. Além disso, possibilita o turista fazer denúncias em caso de descumprimento das medidas sanitárias, o que poderá resultar em revogação do selo.

Para ter acesso ao selo, as empresas e guias de turismo precisam estar inscritos no Cadastur (Cadastro de Prestadores de Serviços Turísticos). A solicitação pode ser feita no site oficial “Turismo Responsável - Limpo e Seguro”, e no caso de aprovação o solicitante recebe a declaração de que atende aos pré-requisitos de segurança contra o coronavírus.

Notícias Relacionadas

Portal Costa Leste News

Portal de notícias de Aparecida do Taboado, Selvíria, Paranaíba e Inocência. Saiba tudo sobre o cenário político, econômico, turístico, cultural e policial da região Costa Leste de Mato Grosso do Sul.

Registration Login
Registration Login
A password will be send on your post
Registration Login
Registration
Sobre o site

Política de Privacidade

A Política de Privacidade foi criada para reafirmar o compromisso do Costa Leste News com a segurança e a privacidade dos seus usuários de seus serviços “on-line”.

O “site” do Costa Leste News foi criado e desenvolvido de forma a assegurar que a privacidade “on-line” de seus usuários seja respeitada e os dados e informações pessoais devidamente protegidos, não sendo revelados a terceiros. Em nenhuma circunstância vendemos, alugamos ou trocamos informações pessoais.

O Costa Leste News adverte que nenhum armazenamento ou transmissão de dados na Internet é totalmente seguro, porém exerce todos os esforços para resguardar as informações coletadas dos usuários.

O Costa Leste News se compromete em manter a integridade das informações que nos forem fornecidas.

O Costa Leste News se reserva o direito de alterar sua política de privacidade, no todo ou em parte, mediante comunicação aos seus usuários, através desta página.

Termos de Uso

O material disponibilizado neste site é de caráter exclusivamente informativo e a utilização deste conteúdo é de inteira responsabilidade do usuário.

O Costa Leste News poderá modificar a forma e o conteúdo, bem como suspender ou cancelar, a seu exclusivo critério, a qualquer tempo, quaisquer dos serviços, utilidades, produtos ou aplicações disponibilizadas no site.

As informações disponíveis no site poderão ser atualizadas ou modificadas periodicamente e não devem ser interpretadas como definitivas.

O Costa Leste News empregará com afinco seus melhores esforços no sentido de conservar as informações e conteúdos contidos neste site de forma precisa, atualizada e completa quanto possível.

O Costa Leste News ou seus parceiros não poderão ser responsabilizados por qualquer perda ou dano, direto ou indireto, que decorram de:

O conteúdo, fotografias, marcas, títulos, sons, vídeos, dados, gráficos, tabelas, séries históricas e serviços oferecidos por meio do site são de propriedade do Costa Leste News ou de parceiros, não sendo autorizado sua reprodução, transmissão, exploração, armazenamento ou qualquer tipo de uso. O usuário assume toda e qualquer responsabilidade, de caráter civil e/ou criminal, pela utilização indevida de todo e qualquer material do site.

Em caso de utilização do conteúdo do site com a devida autorização, deverá constar como crédito: Costa Leste News. A inobservância do crédito acarretará na imediata revogação da autorização.

O site e seus serviços estão sujeitos a eventuais problemas de interrupção, falha técnica, ou indisponibilidade de funcionamento temporário.

O Costa Leste News estará isento de qualquer responsabilidade pelos danos e prejuízos de toda natureza que possam decorrer de falta de disponibilidade ou de continuidade do funcionamento do site e dos serviços.

Comentários:

O conteúdo dos comentários publicados no site é de única e exclusiva responsabilidade civil e penal do usuário e/ou visitante cadastrado. O Costa Leste News não se responsabiliza por qualquer dano supostamente decorrente das opiniões e comentários efetuados por terceiros.

Os comentários publicados, porém, serão pós-moderados e o Costa Leste News poderá, a qualquer tempo e a seu critério, excluir, parcial ou integralmente, qualquer texto que infrinja as normas legais ou as regras deste termo de uso, ou ainda em decorrência de denúncias, sem que isto gere qualquer responsabilidade ao Costa Leste News ou direito ao usuário e/ou visitante cadastrado.

Os comentários não devem conter mensagens publicitárias, material pornográfico, grosseiro, racista ou ofensivo; informações sobre atividades ilegais e incitação ao crime; material calunioso; afirmações injuriosas ou difamatórias.

É proibido publicar qualquer material protegido por direitos autorias, sem a devida autorização do autor ou seu representante.

Se por mais de uma vez forem descumpridas quaisquer das regras expostas ou for verificado o exercício ilegal, o usuário e/ou visitante terá sua permissão de comentários cancelada.

A qualquer tempo e de maneira unilateral, o Costa Leste News poderá cancelar o sistema de comentários sem necessidade de aviso prévio.

Forma de acesso aos comentários:

Para se habilitar a fazer comentários no site do Costa Leste News, o usuário terá de preencher um cadastro fornecendo informações verdadeiras e exatas. Tais dados serão protegidos pelo Costa Leste News.

O cadastro dará ao usuário o direito de usar o espaço destinado a comentário.

O Costa Leste News registra o IP pelo qual o usuário acessou o sistema de comentários, para a eventualidade de precisar identificar o autor de um comentário.