O Centrão não vira a mesa, não quebra pratos. Negocia!
Artigo de Opinião

O Centrão não vira a mesa, não quebra pratos. Negocia!

Manoel Afonso
10/09/2021
148

DEPENDÊNCIA: Com as manifestações de 7 de setembro e suas repercussões também no campo político, ganham ainda mais força as previsões de que a sucessão estadual estará atrelada a eleição presidencial. As declarações de lideranças partidárias e as postagens nas redes sociais leva-nos a prever um quadro complicadíssimo para 2022.

EXEMPLO:  O deputado Fabio Trad (PSD) expõe sua posição  postando nas redes sociais esse texto : “Mais um crime no discurso de Bolsonaro na Paulista. Crime de responsabilidade. É ler o art. 85 da CF/88 e os artigos 4º e 6º da Lei 1079/50 para concluir pelo enquadramento legal. O pais está sendo governado por um serial killer do Estado democrático de Direito”.

FUTURO:  A entrevista do presidente nacional do PSD – Gilberto Kassab sinalizou a tendência da sigla nesta bifurcação partidária. Os efeitos no cenário estadual atingem o ‘clã Trad’ que hoje ocupa importante espaço, embora ainda não haja pesquisas para detectar os percentuais de ganhos e perdas deste eventual rompimento com o Planalto.

EQUILÍBRIO: Atravessando ótima fase de relações com o Palácio do Planalto que tem desaguado em benefícios ao Estado, não é difícil prever a situação do governador Reinaldo Azambuja (PSDB). Claro, seguirá adotando a filosofia mineira de conviver bem com o Governo Federal, ao contrário do colega tucano João Dória Jr, de São Paulo (com vida própria).

A FATURA: Os políticos astutos do ‘Centrão’  pedirão mais ministérios  e vantagens ao Governo  para continuar apoiando Bolsonaro. Quanto mais dependente o presidente ficar  para aprovar seus projetos ou se safar de um impeachment,  melhor será para esses políticos que não brincam em serviço e que no passado ( através do Mensalão) eram da base dos Governos Lula/Dilma. Afinal, o ‘Centrão’ não vira a mesa e nem quebra pratos. Negocia!

DEPUTADOS & AÇÕES:  Paulo Corrêa (PSDB): Experiência e habilidade garantem as sessões e trabalhos legislativos em plena pandemia. José Teixeira (DEM): atendendo  vereadores, prefeitos, entidades e vários segmentos do agronegócio como interlocutor  experiente junto ao Governo Estadual; Lucas de Lima (Sol): ativo nas sessões, aguarda parecer da CCJR do seu projeto para  implantar anticoncepcional gratuito nas mulheres em situação de rua e de baixa renda através da Rede Estadual de Saúde. Gerson Claro (PP):pede ao Governo Estadual adaptações na lei isentando de impostos para a aquisição de veículos pelos deficientes físicos; em conexão direta com a Secretaria de Saúde sobre a vacinação anti Covid-19. Antônio Vaz (PR): presidente da Comissão de Saúde da Assembleia Legislativa monitora  os números da campanha de vacinação no MS. e comemora o excelente desempenho, referência nacional.

LEVY DIAS: Um ano doído pelas perdas do filho Levyzinho (39) e do irmão Davi Dias (87) ( Covid-19). Além disso, a esposa Neide é portadora do Mal de Alzheimer.  Aos 83 anos de idade o ex-senador e ex-prefeito da capital tem energia para o afago familiar e tocar os negócios liderados pela suinocultura pioneira que implantou no MS.

PROJETO: Levy revelando ao colunista que planeja por insistência da filha Adriana – registrar em obra biográfica sua trajetória política, iniciada ainda em 1966 com a eleição para deputado estadual. Pela sua liderança e estilo, Levy foi protagonista de episódios marcantes que não podem ficar ao sabor do tempo. Merecem registros em livro.

SEM MÁGOAS: Apesar dos dramas familiares, da cirurgia cerebral a que se submeteu e dos percalços políticos,  Levy é equilibrado, não destila mágoas – nem do ex-governador Pedrossian que o demitiu pelo Diário Oficial do cargo de prefeito da capital e o impediu de ser o candidato do PDS (no lugar de José Elias Moreira), contra Wilson B. Martins em 1982.

TRAJETÓRIA: 1970 – Levy, deputado estadual; 1972 – eleito  prefeito da capital; 1978 deputado federal;  em 19/11/80/ nomeado prefeito da capital ; 06/04/1982 é demitido do cargo e reeleito (1982) deputado federal; 1985 disputa a prefeitura da capital e perde para Juvêncio C. Fonseca; 1986 reeleito deputado federal; 1990 eleito senador; 1994 disputa o Governo com Wilson B. Martins;1998 tentou sem sucesso voltar à Câmara Federal.

AÇÕES PARLAMENTARES: Pedro Kemp (PT): pede que a licença maternidade seja igual para as servidoras efetivas e as contratadas; abordou a alta do preço da cesta básica e seus impactos.  Neno Razuk (PTB): Figura na lista  ( Ranking Pesquisas) dos deputados mais atuantes; com prefeitos e vereadores cumpriu proveitosa agenda em Brasília  liberando vultosos recursos.  EvanderVendramini (PP): Requer ao Ministério da Infraestrutura  estudo para dragagem do Rio Paraguai; seu projeto de prorrogação do prazo para licença ambiental aprovado em 1ª. discussão. Mara Caseiro (PSDB): aprovada moção de louvor aos policiais que evitaram suicídio em Aquidauana; pede reforma de escola e de parque poliesportivo de Camapuã;  João H. Catan (PL): é de sua autoria proposta prevendo concessão de benefícios diversos às mães doadoras de lei materno.  A matéria vai à Comissão de Constituição Justiça e Redação.

ERRROOOUUU…. Medir forças com os bolsonaristas no mesmo dia foi um erro estratégica  do PT, como mostraram  os preparativos e depois as imagens de São Paulo, Rio e Campo Grande. Ao radicalizar, Bolsonaro mantem seu time coeso na polarização.    É bem simples a sua tática: somar os seus apoiadores com os eleitores que rejeitam o outro candidato. Foi assim que ele chegou lá.

SEM ESPAÇO?  7 de setembro foi desastroso para Ciro Gomes (PDT) e outras lideranças que  ainda sonham com candidaturas próprias ou a chamada terceira via.  A polarização entre bolsonaristas e petistas tomou a maioria do espaço  eleitoral.  A questão do impeachment deve ser a principal pauta da oposição nestes próximos dias.

‘FUX & LIRA’: Quem esperava mais do ministro (STF) Luiz Fux se decepcionou. Ele falou, falou e passou a ‘batata quente’ para Artur Lira, presidente da Câmara. Lembrou aquele pai que só adverte o filho incorrigível. Quanto ao deputado, no poderoso cargo, descartou eventual impeachment  e nem na hipótese de entregar os ‘saborosos cargos’.  Tudo como dantes…

‘NO DIVÃ’: Sobra emoção, falta razão. Pedro Kemp (PT) é um bom deputado, com formação inclusive em psicologia. Mas se nervoso perde equilíbrio em certas situações.  Desta  vez – ouviu repetitivos e constrangedores ‘cala a boca’ de seu colega Coronel David (sem partido) aparteado indevidamente pelo petista que o taxou de hipócrita. Caso de terapia?.

AÇÕES & DEPUTADOS: José C. Barbosa (DEM): destacando a importância do programa que leva internet a zona rural do MS; esteve em Angélica e Deodápolis na entrega de obras da Sanesul. Amarildo Cruz (PT): Insiste no pedido de criação da Delegacia dos Crimes Raciais; é seu o projeto declarando de Utilidade Pública a Colônia dos Pescadores Profissionais e  Artesanais Claudio Valério da Silva de Anastácio.  Lídio Lopes (Patri): Elogiou atuação do Governo contra o Covid-19, mas solicitou da tribuna que o Governo mantenha o valor do IPVA cobrado em 2021 devido a crise financeira . Capitão Contar(PSL): sancionada lei de sua autoria sobre essencialidade de restaurantes na pandemia; comemora o sucesso da motociata que liderou no 7 de setembro na capital. Marçal Filho (PSDB): sancionada sua lei que institui  campanha permanente de conscientização e incentivo à vacinação em todo o Mato Grosso do Sul.

ANTÔNIO JOÃO:  Em vídeo nas redes sociais o jornalista critica a senadora Simone Tebet (MDB) pelas declarações contra Bolsonaro e seu desejo de disputar a sucessão presidencial – aliando-se ao PT. AJ também revela o  seu encontro com o deputado Eduardo Rocha (MDB) quando perguntou-lhe ‘se  a Simone havia virado comunista’. Pimentas da política.

JUSTIÇA! Na hora agá o presidente Sérgio Longen arregaçou as mangas da camisa e  fez da FIEMS trincheira anti Covid-19. Os drive-thru na capital, Dourados e Corumbá, além de doações de máscaras, respiradores e álcool 70º GL são ações vitais iniciadas  desde o surgimento dos primeiros casos. Entidade que se preza não se omite. A nossa sociedade reconhece e agradece.

ÔLHO NELA!  Na coluna passada falamos da situação cômoda da deputada Rose Modesto (PSDB). Ela continua surfando no cenário político como mostram os números da Ranking Pesquisas e de outros institutos  que estão vendo sua boa aceitação também para o Senado. Portanto temos mais uma alternativa interessante nesta pauta de nomes e cargos em 2022. Convenhamos, ela é um animal político em ascensão.

‘NO BANANAL: Neste país quando você imagina já ter visto tudo surgem situações inusitadas de fazer rir ou chorar. Após todo aquele bafafá, com direito a discursos, passeatas, faixas e tudo mais, eis que Bolsonaro nos brinda com uma carta de conteúdo no mínimo contraditório. Enquanto isso a inflação e o dólar disparam. Resta aquela pergunta : “e agora, quem irá nos salvar – se o Chapolim está fora do ar”?

PONTO FINAL: “Fracassei em tudo o que tentei na vida. Tentei alfabetizar as criança brasileiras, não consegui. Tentei salvar os índios, não consegui. Tentei fazer uma universidade séria e fracassei. Tentei fazer o Brasil desenvolver-se autonomamente e fracassei. Mas os fracassos são minhas vitórias. Eu detestaria estar no lugar de quem me venceu”. (Darcy Ribeiro)

PILULAS DIGITAIS:

De que lado da terra plana vamos pular?

Na partida de xadrez entre bolsonarista e petista  as peças fogem com medo do tabuleiro.

E fica estabelecida a pena de prisão para criadores de anúncios com a frase: “parcelas que cabem no bolso”. (Carlos Castelo)

“A imparcialidade existe. No cemitério todos os moradores eternos são radicalmente assim”.

“Fanatismo e inteligência nunca moraram na mesma casa”. ( deputado Fábio Trad)

É a segunda vez numa semana em que um monte de gente vestiu a camisa verde amarela da seleção para nada

 

Notícias Relacionadas

Portal Costa Leste News

Portal de notícias de Aparecida do Taboado, Selvíria, Paranaíba e Inocência. Saiba tudo sobre o cenário político, econômico, turístico, cultural e policial da região Costa Leste de Mato Grosso do Sul.

Registration Login
Registration Login
A password will be send on your post
Registration Login
Registration
Sobre o site

Política de Privacidade

A Política de Privacidade foi criada para reafirmar o compromisso do Costa Leste News com a segurança e a privacidade dos seus usuários de seus serviços “on-line”.

O “site” do Costa Leste News foi criado e desenvolvido de forma a assegurar que a privacidade “on-line” de seus usuários seja respeitada e os dados e informações pessoais devidamente protegidos, não sendo revelados a terceiros. Em nenhuma circunstância vendemos, alugamos ou trocamos informações pessoais.

O Costa Leste News adverte que nenhum armazenamento ou transmissão de dados na Internet é totalmente seguro, porém exerce todos os esforços para resguardar as informações coletadas dos usuários.

O Costa Leste News se compromete em manter a integridade das informações que nos forem fornecidas.

O Costa Leste News se reserva o direito de alterar sua política de privacidade, no todo ou em parte, mediante comunicação aos seus usuários, através desta página.

Termos de Uso

O material disponibilizado neste site é de caráter exclusivamente informativo e a utilização deste conteúdo é de inteira responsabilidade do usuário.

O Costa Leste News poderá modificar a forma e o conteúdo, bem como suspender ou cancelar, a seu exclusivo critério, a qualquer tempo, quaisquer dos serviços, utilidades, produtos ou aplicações disponibilizadas no site.

As informações disponíveis no site poderão ser atualizadas ou modificadas periodicamente e não devem ser interpretadas como definitivas.

O Costa Leste News empregará com afinco seus melhores esforços no sentido de conservar as informações e conteúdos contidos neste site de forma precisa, atualizada e completa quanto possível.

O Costa Leste News ou seus parceiros não poderão ser responsabilizados por qualquer perda ou dano, direto ou indireto, que decorram de:

O conteúdo, fotografias, marcas, títulos, sons, vídeos, dados, gráficos, tabelas, séries históricas e serviços oferecidos por meio do site são de propriedade do Costa Leste News ou de parceiros, não sendo autorizado sua reprodução, transmissão, exploração, armazenamento ou qualquer tipo de uso. O usuário assume toda e qualquer responsabilidade, de caráter civil e/ou criminal, pela utilização indevida de todo e qualquer material do site.

Em caso de utilização do conteúdo do site com a devida autorização, deverá constar como crédito: Costa Leste News. A inobservância do crédito acarretará na imediata revogação da autorização.

O site e seus serviços estão sujeitos a eventuais problemas de interrupção, falha técnica, ou indisponibilidade de funcionamento temporário.

O Costa Leste News estará isento de qualquer responsabilidade pelos danos e prejuízos de toda natureza que possam decorrer de falta de disponibilidade ou de continuidade do funcionamento do site e dos serviços.

Comentários:

O conteúdo dos comentários publicados no site é de única e exclusiva responsabilidade civil e penal do usuário e/ou visitante cadastrado. O Costa Leste News não se responsabiliza por qualquer dano supostamente decorrente das opiniões e comentários efetuados por terceiros.

Os comentários publicados, porém, serão pós-moderados e o Costa Leste News poderá, a qualquer tempo e a seu critério, excluir, parcial ou integralmente, qualquer texto que infrinja as normas legais ou as regras deste termo de uso, ou ainda em decorrência de denúncias, sem que isto gere qualquer responsabilidade ao Costa Leste News ou direito ao usuário e/ou visitante cadastrado.

Os comentários não devem conter mensagens publicitárias, material pornográfico, grosseiro, racista ou ofensivo; informações sobre atividades ilegais e incitação ao crime; material calunioso; afirmações injuriosas ou difamatórias.

É proibido publicar qualquer material protegido por direitos autorias, sem a devida autorização do autor ou seu representante.

Se por mais de uma vez forem descumpridas quaisquer das regras expostas ou for verificado o exercício ilegal, o usuário e/ou visitante terá sua permissão de comentários cancelada.

A qualquer tempo e de maneira unilateral, o Costa Leste News poderá cancelar o sistema de comentários sem necessidade de aviso prévio.

Forma de acesso aos comentários:

Para se habilitar a fazer comentários no site do Costa Leste News, o usuário terá de preencher um cadastro fornecendo informações verdadeiras e exatas. Tais dados serão protegidos pelo Costa Leste News.

O cadastro dará ao usuário o direito de usar o espaço destinado a comentário.

O Costa Leste News registra o IP pelo qual o usuário acessou o sistema de comentários, para a eventualidade de precisar identificar o autor de um comentário.